Livro Fundamentos sociofilosóficos da Educação e EAD

O livro Fundamentos Sociofilosóficos da Educação e Educação a Distância (EaD) – Uma cartografia de relações, oposições e contribuições, do professor Marcelo Sabbatini, propõe uma discussão sobre as contribuições teóricas acadêmicas ao cenário da Educação a Distância, sobretudo quando consideramos o contexto pandêmico e pós-pandêmico.

Em 2020 o mundo foi impactado, como nunca na história, por uma grave pandemia. E diante do fechamento de escolas e universidades, as tecnologias digitais de informação e comunicação apareceram como uma tábua de salvação para todo o setor educacional. Nunca se falara tanto em sincronicidade ou assincronicidade, de plataformas e ambientes virtuais de aprendizagem, do ensino remoto e da relação deste com a educação a distância (EaD). De início, já muitas críticas e temores em relação ao fosso de acesso que se estabeleceria entre aqueles que possuem acesso à tecnologia e os excluídos. E durante os longos meses de distanciamento social outros acontecimentos foram mostrando que o messianismo tecnológico estava longe de sê-lo, pelo contrário.Instituições particulares demitiram professores em massa, ao mesmo tempo em que investiam em sistemas de inteligência artificial supostamente capazes de realizar a mediação pedagógica e mesmo a avaliação educacional. A questão da inclusão/exclusão digital se mostrou mais complexa na medida em que o ambiente social e familiar dos alunos de classes menos favorecidas também os afastava das aulas remotas e de qualquer chance de se manterem a par de sua formação. Em muitos casos, grupos de famílias ou organizações comunitárias se mobilizaram para proporcionar um acesso alternativo às escolas fechadas. Em meio a debates e iniciativas, todos os envolvidos passaram a imaginar que da crise surgiria um novo modelo de educação, com forte presença tecnológica, capaz de atender às complexidades de um mundo pandêmico e pós-pandêmico. O que pode ter sido surpresa e desapontamento para muitos, entretanto, não o foi para quem conhece as teorias da EaD, e, mais ainda, as próprias teorias da educação. Retomando os exemplos, a discussão teórica nesse campo envolve respectivamente questões como a desumanização e a exploração do trabalho docente, a desigualdade de capital social-cultural estabelecendo um sistema dualista de ensino, além da possibilidade de um novo espaço educacional alternativo à escola.E aqui reside o valor das teorias. Ao abstraírem uma certa explicação da realidade, elas nos preparam para situações que podem ser novas em suas manifestações específicas, mas que em sua raiz atendem a princípios bem estabelecidos e que se mostram na prática e na realidade, mesmo durante uma pandemia, ou até mesmo por causa dela.Este é o tema deste livro, resultado de uma pesquisa realizada muito antes da crise pandêmica e que buscou responder à questão: Como as teorias que explicam o fenômeno educativo em relação à sociedade, em termos filosóficos, sociológicos e antropológicos, são incorporadas à discussão acadêmica na educação a distância?

O acesso ao livro é gratuito e está disponível neste link.

escolas fechadas. Em meio a debates e iniciativas, todos os envolvidos passaram a imaginar que da crise surgiria um novo modelo de educa-ção, com forte presença tecnológica, capaz de atender às complexida-des de um mundo pandêmico e pós-pandêmico.O que pode ter sido surpresa e desapontamento para muitos, entretanto, não o foi para quem conhece as teorias da EaD, e, mais ainda, as próprias teorias da educação. Retomando os exemplos, a discussão teórica nesse campo envolve respectivamente questões como a desumanização e a exploração do trabalho docente, a desi-gualdade de capital social-cultural estabelecendo um sistema dualista de ensino, além da possibilidade de um novo espaço educacional al-ternativo à escola.E aqui reside o valor das teorias. Ao abstraírem uma certa expli-cação da realidade, elas nos preparam para situações que podem ser novas em suas manifestações específicas, mas que em sua raiz atendem a princípios bem estabelecidos e que se mostram na prá-tica e na realidade, mesmo durante uma pandemia, ou até mesmo por causa dela.Este é o tema deste livro, resultado de uma pesquisa realizada muito antes da crise pandêmica e que buscou responder à questão: Como as teorias que explicam o fenômeno educativo em relação à sociedade, em termos filosóficos, sociológicos e antropológicos, são incorporadas à discussão acadêmica na educação a distância?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: